+351 210 302 360 CSM | Linha de Apoio | Marcações
PT | EN
NEWSLETTER
12 de Novembro, 2020

A RELAÇÃO ENTRE A DIABETES E A SAÚDE ORAL

O QUE É

A diabetes é uma doença crónica e progressiva, que ocorre quando o corpo não produz insulina suficiente ou não a consegue utilizar. A insulina é uma hormona necessária para mover a glicose (açúcar) do sangue para as células do corpo, onde é utilizada para produzir energia. Quando a insulina está em falta ou não atua adequadamente, os níveis de glicose no sangue sobem.

De acordo com o Relatório do Programa Nacional para a Diabetes 2017, em Portugal estima-se que a diabetes afete 13,3% da população com idades entre os 20-79 anos, das quais 44% desconhecem ter a doença. Diariamente são diagnosticados com diabetes em Portugal cerca de 200 novos doentes.

DIABETES E DOENÇA PERIODONTAL (“A DOENÇA DAS GENGIVAS”)

A diabetes torna o paciente mais suscetível de contrair infeções, o que aumenta o risco de se vir a sofrer de doenças periodontais. As doenças periodontais por sua vez podem levar à perda de dentes, afetando assim os pacientes diabéticos, dificultando a sua alimentação e consequentemente o controlo dos níveis de glicémia.

 

O PACIENTE DEVE ESTAR ATENTO AOS SINAIS DE AVISO DE INFEÇÃO

  • Abcessos frequentes em torno dos dentes.
  • Sangramento nas gengivas, apesar da boa higiene oral. 
  • Vermelhidão nas gengivas 
  • Mobilidade dentária. 

A periodontite grave está significativamente ligada ao diabetes tipo 2, uma condição que se acredita que afete aproximadamente 422 milhões de adultos no mundo inteiro (de acordo com a OMS).

Os profissionais de medicina dentária podem ser vitais na identificação da doença.

 

COMO A MEDICINA DENTARIA PODE AJUDAR

O paciente diabético deve ser implacável ​​com a higiene oral, e consultar  o médico dentista para check-ups frequentes. Muitas vezes os pacientes não entendem a necessidade do médico dentista precisar do histórico clínico, mas é necessário que o médico dentista saiba quais os medicamentos que o paciente está tomar e em que estado está a Diabetes.

Tratamento e vigilância da saúde periodontal

Se, inicialmente, não for diagnosticada periodontite, o paciente com diabetes deve realizar o check-up pelo menos de 6 em 6 meses;

Reabilitação

O paciente com diabetes deve procurar junto do seu médico dentista, caso sofra a perda de vários dentes, a reabilitação dentária. Essa reabilitação é possível, desejável e permite restabelecer uma mastigação que volte a ser adequada e uma nutrição satisfatória para o paciente.

Fontes: Saúde Oral; Jornal Dentistry; Ordem dos Médicos Dentistas; Serviço Nacional de Saúde